Fogo e Paixão

Walter Pereira Pimentel

Tudo começou com um toque de lábios
Um roçar de pernas e de mãos
O corpo entrou em combustão
E o fogo se alastrou
Incendiando a boca
Ganhando proporções loucas
À medida em que me beijavas

Ao revelar o caminho da luxúria
Mexeu com os sonhos de prazer
Liberou o som dos delírios
Despertou desejos adormecidos
Sacudiu os sentidos
Me fez enlouquecer
Incendiando de vez o coração

Agora, passada a fúria
Controlada a loucura
Deixa-me seguir teus passos
Quedar-me em teus braços
Colocar no teu sorriso
Mais alegria, mais emoção
Ser teu fogo, tua paixão

Published in: on 10 de outubro de 2010 at 11:20  Deixe um comentário  

Com Certeza Voce Existe

Os  lábios que não beijei,
A pele que não toquei
Os olhos que frente a frente não olhei
O sonho que só sonhei, mas não realizei
As palavras que com carinho escutei
As angustias que com doçura acalmei
De tudo um pouco, em sonho experimentei
Sonho que um dia lá em minha juventude sonhei
Sonho que COM CERTEZA ainda concretizarei
O quanto ti busquei, o quanto ti visualizei
Quantos momentos em ti eu pensei
O tempo passou e eu de ti não mi distanciei
Pelo contrário, dentro de mim ti preservei
ou ainda mais Ti perpetuei.

Dorival Gaspar

Published in: on 30 de setembro de 2010 at 22:46  Deixe um comentário  

Para Sempre

Por que Deus permite
que as mães vão-se embora?
Mãe não tem limite,
é tempo sem hora,
luz que não apaga
quando sopra o vento
e chuva desaba,
veludo escondido
na pele enrugada,
água pura, ar puro,
puro pensamento.

Morrer acontece
com o que é breve e passa
sem deixar vestígio.
Mãe, na sua graça,
é eternidade.
Por que Deus se lembra
– mistério profundo –
de tirá-la um dia?
Fosse eu Rei do Mundo,
baixava uma lei:
Mãe não morre nunca,
mãe ficará sempre
junto de seu filho
e ele, velho embora,
será pequenino
feito grão de milho.Carlos Drummond de Andrade

Published in: on 9 de maio de 2010 at 22:05  Deixe um comentário  

Com certeza voce existe

Com Certeza Você Existe

Dorival Gaspar

Os lábios que não beijei,
A pele que não toquei
Os olhos que frente a frente não olhei
O sonho que só sonhei, mas não realizei
As palavras que com carinho escutei
As angustias que com doçura acalmei
De tudo um pouco, em sonho experimentei
Sonho que um dia lá em minha juventude sonhei
Sonho que COM CERTEZA ainda concretizarei
O quanto ti busquei, o quanto ti visualizei
Quantos momentos em ti eu pensei
O tempo passou e eu de ti não mi distanciei
Pelo contrário, dentro de mim ti preservei
ou ainda mais Ti perpetuei.

Published in: on 28 de abril de 2010 at 19:34  Deixe um comentário  

Abençoado Amor

Abençoado amor…..que chegou de mansinho…
Me enredou em seus carinhos como uma fina teia
Rompendo suave e persistente as minhas barreiras…
Vencendo meus medos e receios tolos
Curando as cicatrizes que a vida fez em mim
Afastando de mim o medo de tentar …de sofrer outra vez

Ah!! Abençoado amor….que chegou pequenino…
Numa fria tela de monitor….numa madrugada solitária
Que invadiu a minha vida entrando pelos meus olhos
Se fez presente a cada noite pelos toques dos seus dedos
Ganhou espaço no meu coração a cada “eu te amo”
nos ainda anônimos telefonemas trocados…

Abençoado amor….
Que tomou o tempo nas suas mãos…
Fez do nosso tempo sem tempo……
O alimento para essse amor antes pequenino…
Que nesse tempo nosso….vingou…cresceu….
Agigantou-se dentro de nossos corações

Abençoado amor….que está hoje na minha vida…
Que preenche meus vazios ….alegra minhas horas…
Ilumina minhas noites antes tão solitárias
Transforma meus dias em esperança de constantes realizações
Que me faz acreditar na felicidade plena…
Que brilha no meu céu …feito estrela guia…

Ah! Abençoado e louco amor….
Que fez do meu corpo o seu porto seguro
Da minha alma ….a cúmplice dos seus devaneios
Do nosso desejo…. a partilha de nossos sentimentos..
Que me tem….que se dá pra mim….
Vive em mim….e me deixa viver em você…

Emanuelle

Published in: on 26 de fevereiro de 2010 at 21:47  Deixe um comentário  

QUEM SOU EU?

Nesta altura da vida já não sei mais quem sou… Vejam só que dilema!!!
Na ficha da loja sou CLIENTE, no restaurante FREGUÊS, quando alugo uma
casa INQUILINO,na condução PASSAGEIRO, nos correios REMETENTE, no
supermercado CONSUMIDOR.
Para a Receita Federal CONTRIBUINTE,se vendo algo importado
CONTRABANDISTA. Se revendo algo, sou  MUAMBEIRO,se o carnê tá com o
prazo vencido INADIMPLENTE, se não pago imposto SONEGADOR. Para votar
ELEITOR,mas em comícios MASSA , em viagens TURISTA , na rua caminhando
PEDESTRE, se sou atropelado ACIDENTADO, no hospital PACIENTE. Nos
jornais viro VÍTIMA, se compro um livro LEITOR, se ouço
rádio OUVINTE.Para o Ibope ESPECTADOR, para apresentador de televisão
TELESPECTADOR, no campo de futebol TORCEDOR.
Se sou Vascaíno, SOFREDOR… mas, se sou Flamenguista,VENCEDOR! Agora, já virei
BANDO DE LOUCOS. (se trabalho na Anatel, sou COLABORADOR) e, quando
morrer… uns dirão… FINADO, outros… DEFUNTO, para outros …
EXTINTO, para o povão … PRESUNTO… Em certos círculos espiritualistas
serei… DESENCARNADO, evangélicos dirão que fui… ARREBATADO..
E o pior de tudo é que para todo governante sou apenas um IMBECIL !!!
E pensar que um dia já fui mais EU.

Luiz Fernando Veríssimo.

Published in: on 11 de novembro de 2009 at 19:01  Deixe um comentário  

ABRAÇA-ME FORTE

Abraça-me forte
Beije-me com ternura
Resta-nos pouco tempo
Abraça-me forte
Com prazer e loucura
Estamos juntos agora

Meu amor, o tempo passa depressa,
Esperamos muito por esse momento

Felizes, estamos agora a nós olhar,
O seu lindo sorriso a me iluminar
Resta-nos pouco tempo
Tenho de novo que ir embora
Esta é a hora, abraça-me forte agora.

Marli Puglielli

Published in: on 25 de outubro de 2009 at 12:57  Deixe um comentário  

Em Nós.

Nem eu, nem você, nenhum de nós, sabe que o tempo não é igual para todos, quando os teus olhos atravessaram a minha dor, um manto quente se agasalhou no meu corpo. Eu disse: Fala comigo amor, ou cala! Não espalha o vento, nestes belos momentos desta chuva que cai lá fora. Na superfície, sobrarão só as migalhas, E, o amor falha, quando não compreende a dor. Talha a minha face, enquanto nossos corpos desenham linhas que não se tocam. E, as lágrimas escorrem para o coração. Cora o coração de tristeza. Vem chorar com o meu sentimento. quando “Ninguém parece notar as estrias do tempo” em mim. E, os nossos planos se cortam, Assim…

Lila Garcia

Published in: on 30 de abril de 2009 at 21:17  Deixe um comentário  

Declaração de Amor

  Talvez eu seja assim por ti

Tu que me mostraste o sentido da vida…

e me ensinaste a valorizar cada conquista

me disseste para abraçar cada projecto e nunca desistir

talvez muitas palavras tenham ficado por dizer

mas o teu sorriso em cada regresso a casa…

fazia-me sentir

a felicidade e o Amor

Em cada gesto de carinho e em cada abraço

eu sabia que ias ficar sempre comigo

e ficaste…

apesar de distante ainda sinto

o teu abraço

Acredito que está do meu lado para sempre

que a brisa do vento

que me afaga os cabelos

são de certo tuas mãos

a acarinhar…

a mostrar que não te foste embora

ainda oiço tua voz e teu riso

e não quero perder isto

Porque tu nunca vais deixar de ser o meu pai

e tudo o que eu faço…

será sempre por ti

ADORO-TE

YOHAN- seu filho
Published in: on 30 de março de 2009 at 01:01  Deixe um comentário  

Apenas Dores

A cada dor , cada sofrimento,

em cada vão momento,

uma gota cai de meus olhos

em busca de amparo, em busca

de auxílio,

para um breve contentamento.
A cada amanhecer,

Os ossos brigam em baixo dos

Músculos,

Na tentativa de passar pela carne,

Querendo ver um dia de luz. Assim sinto-me presa,

tento passar pelos obstáculos,

apertada, tento furar o medo,

ultrapassar a insegurança

em busca de felicidade.
Sinto essa revolução no meu corpo,

No meu peito, na minha alma, e…

Continuo ali, parada… Imóvel,

calada e sofrida,

pela dor da tentativa,

pela ausência de atitude,

pela tristeza da alma.

 

Carla Menezes

Published in: on 26 de março de 2009 at 23:39  Deixe um comentário